Semana Pedagógica Senac 2018 prossegue com palestras e apresentação musical


Publicado em : 06/02/2018 | por Helmo Goes | Agência Comércio

Equipe organizadora do evento com o grupo Lateiros Curupira

Dayse Prado fala sobre o papel do colaborador na instituição

A Semana Pedagógica do Senac 2018 teve continuidade nesta terça-feira, 06 de fevereiro, com o acolhimento de instrutores, coordenadores pedagógicos e gerentes das unidades operativas da capital e do interior. O evento, que prossegue até o dia 08, teve palestras do Diretor Regional Paulo do Eirado, da gerente da Divisão de Educação Profissional, Dayse Prado, e do Diretor de Tecnologia da Informação do Instituto Federal de Sergipe, Fernando Lucas Farias. Também houve a apresentação do grupo de percussão Lateiros Curupira, formado por crianças e adolescentes do Bairro 17 de Março, que estavam acompanhados da vice-prefeita e Secretária Municipal de Assistência Social de Aracaju, Eliane Aquino.

Equipe organizadora do evento

“A Semana Pedagógica do Senac é um grande sonho e planejamos esse evento sob duas perspectivas: a primeira é a de acolhimento aos nossos instrutores, e dizer para eles que estamos juntos. A segunda é disseminar para eles os conhecimentos em relação às atividades que vamos desenvolver dentro do nosso modelo pedagógico durante 2018 nas unidades operativas do Senac. A implementação de um modelo pedagógico é fundamental para que possamos levar uma aprendizagem cada vez melhor para o nosso aluno”, explicou a gerente Dayse Prado.

Para os participantes, esta também é uma oportunidade de interação e troca de experiências. “Acho interessante a Semana Pedagógica, pois nós, da capital, não temos muito contato com o pessoal do interior e, às vezes, nem mesmo com os colegas aqui de Aracaju. Isso soma valores, cada um na sua área, mostrando do que é capaz, interagindo com outras profissões. Então isso faz com que cada um traga suas ideias para, juntos, fazermos um trabalho ainda melhor em 2018”, observou William Guerra, instrutor dos cursos na área de massoterapia.

Socorro Melo, Paulo do Eirado e Dayse Prado

Metas e Desafios

Com o tema “Metas e Desafios da Educação Profissional do Senac para 2018”, o diretor Paulo do Eirado promoveu um diálogo com os colaboradores. “A rigor, os desafios estão muito visíveis. Ainda estamos numa conjuntura de crise e o Senac também é atingido por isso. Mas, acima de tudo, temos sempre como meta trabalhar educação pensando no futuro de um país sem crise, mais justo, mais socialmente ajustado e mais rico. Quem trabalha com educação, trabalha sempre com antecipação. E eu peço aos instrutores que a crise fique do lado de fora da sala de aula, pois o conhecimento continua presente, o amor pelos alunos permanece o mesmo, a necessidade de profissionalizar e levar nossos egressos a bons postos de trabalho também. A meta do Senac é continuar seguindo seu caminho, fortalecendo o que a gente já faz bem, e procurando sempre a inovação, acompanhando as dinâmicas socioeconômicas, como um agente importante dentro da economia brasileira”, declarou Paulo do Eirado.

Lateiros Curupira

Grupo Lateiros Curupira

Um dos pontos altos foi a apresentação do grupo de percussão Lateiros Curupira, formado por crianças e adolescentes do Bairro 17 de Março, atendidos pelos Centros de Referência da Assistência Social (Cras) da Prefeitura de Aracaju. Comandados pelo músico Tom Toy, os jovens fazem um som a partir de materiais que, a princípio, não teriam essa finalidade.

Eliane Aquino e Paulo do Eirado assistem à apresentação do Lateiros Curupira

Os meninos e meninas estavam acompanhados da vice-prefeita e Secretária Municipal de Assistência Social de Aracaju, Eliane Aquino, que agradeceu pelo convite feito ao grupo Lateiros Curupira e disse querer continuar contando com o apoio do Senac, instituição que, segundo ela, tem um papel transformador na sociedade.


Autor : Helmo Goes | Agência Comércio
Categorias : Notícias